20 de fev de 2012

Logo Oficial da JMJ 2013 expressa a fé e a acolhida do povo brasileiro aos jovens do mundo




RIO DE JANEIRO, 08 Fev. 12 / 01:16 pm (ACI)

Na noite desta terça-feira, 7 de fevereiro, os jovens que esperavam a divulgação do resultado do concurso para a logo oficial da JMJ 2013 puderam conhecer a logo vencedora, lançada em um evento que reuniu mais de cem bispos vindos do Brasil e do exterior e que representou um passo simbólico no processo de preparação da Jornada que já vem sendo realizada com entusiasmo pelos jovens e voluntários do Rio de Janeiro.

Presentes no lançamento estevieram o presidente do Comitê Organizador Local (COL) da JMJ, o arcebispo do Rio, Dom Orani João Tempesta, junto dos vice-presidentes do organismo Dom Paulo Cezar Costa e Dom Antonio Dias Duarte, e os responsáveis pelos setores que compõem o Comitê. Entre outras autoridades eclesiais compareceram o Cardeal Raymundo Damasceno Assis, presidente da Conferencia Nacional dos Bispos do Brasil e Arcebispo de Aparecida e o Secretário para a Congregação dos Bispos em Roma, Dom Lorenzo Baldisseri, que foi núncio no Brasil durante dez anos.

Em declarações exclusivas a ACI Digital Dom Paulo Cezar afirmou que “a logomarca é aquele ícone que vai ser o símbolo da jornada na cidade do Rio de Janeiro, no Brasil e no mundo. Quem olhar a logomarca vai ter presente a Jornada Mundial da Juventude. (...) É uma logomarca muito bonita, expressiva, que mostra muito a fé do povo brasileiro, mostra bem a todos o Cristo Redentor que acolhe a todos e acolherá a todos em 2013”.

Participaram também no ato o governador do estado do Rio de Janeiro, Sergio Cabral e o prefeito da cidade, Eduardo Paes, que se comprometeram a colocar todo o empenho dos organismos do estado para o êxito do evento. Outra presença destacada entre as autoridades civis foi a da deputada católica e pró-vida Myriam Rios, que concedeu uma breve exclusiva a ACI Digital dizendo que ela conhece o impacto das JMJ no coração dos jovens, pois ela mesma viveu a experiência como peregrina na sua juventude.

“A Jornada Mundial da Juventude será uma grande festa para a família, para os jovens e para todas as pessoas que querem um mundo melhor, que querem que os nossos jovens sejam formados homens e mulheres para um mundo novo. Eu fico muito feliz de participar desta vez como autoridade, como deputada do povo, da família, pois participei como peregrina,     quando jovem, em 1993 em Denver no Colorado com o Papa João Paulo II. Então para mim tem uma importância muito grande hoje participar como parlamentar, ajudando na estrutura, ajudando a divulgar este grande momento de explosão de alegria verdadeira entre os jovens e em família"

Na ocasião, o arcebispo Dom Orani anunciou o vencedor do concurso da logomarca, Gustavo Huguenin, 25 anos, natural da cidade de Cantagalo, região Serrana do Rio. O lançamento contou ainda com apresentações artísticas de Olívia Ferreira, Eliana Ribeiro e do Projeto Música no Museu.

“Quero aqui expressar minha eterna gratidão a Deus pela realização deste sonho, um dia impensável e agora tão real. Sou extremamente feliz por ser um jovem que pode proclamar para todo o mundo a alegria de fazer parte da Santa Igreja Católica”, declarou o vencedor do concurso Gustavo Huguenin.

Natural do município de Cantagalo, região serrana do estado do Rio de Janeiro, o jovem frequenta a paróquia Santíssimo Sacramento, da diocese de Nova Friburgo. Formado em Design Gráfico pelo Instituto Federal Fluminense (IFF), ele trabalha como designer gráfico e webdesigner em um escritório próprio.

"Para mim é alegria imensa saber que o meu trabalho vai ser usado no maior evento católico do mundo, ainda mais com Santo Padre, e que essa imagem estará associada ao encontro pessoal que os jovens do mundo inteiro terão com Jesus Cristo na JMJ Rio2013", destacou o designer.

Depois de um emotivo vídeo no qual se aprecia a logomarca oficial do evento a estátua do Cristo Redentor no Corcovado foi iluminada com as cores verde e amarelo, em referência às cores da bandeira do país sede do próximo evento do Papa com os jovens.

Dom Orani encerrou o evento com algumas breves palavras e afirmou: “Todos nós estamos como essa marca. Aqui, há um coração batendo forte e dizendo: venham ter essa experiência com Deus”. O Arcebispo concluiu sua palavra dando também a notícia de que a Jornada já contava com 6 mil voluntários e encerrou o evento com uma oração.

Um pouco da história da logo

Gustavo, que nunca participou de uma Jornada, disse que acompanhou a JMJ em Madrid, ao vivo através da internet. "Tinha um desejo muito grande de estar envolvido nisso como jovem católico. Quando foi anunciado que a Jornada seria no Rio, comecei a pensar que poderia haver um concurso que pudesse participar, e poucos dias depois ele abriu. Já estava com essa esperança. Acompanhei os meios oficiais, através do site da JMJ, e trouxe em meu coração esse desejo do que eu poderia fazer algo", lembrou.

Gustavo recordou que, antes de começar a desenhar, leu o capítulo todo do Evangelho de Mateus, de onde foi tirado o lema da JMJ Rio2013 "Ide e fazei discípulos entre todas as nações" (Mt 28, 19) e meditou para, a partir daquela palavra, buscar inspirações para a imagem.

"Nessa passagem vemos que Jesus foi se encontrar com os discípulos numa montanha. Então, já de início, não saía da minha cabeça a ideia do Cristo Redentor - Jesus que está numa montanha. Além de ser o símbolo universal do Rio de Janeiro, tem tudo haver com o tema".

Conceito da logo

Com base no trecho da Palavra do Evangelho de São Mateus, percebe-se a necessidade de expressar uma referência direta à imagem de Jesus e ao sentido do discípulo. Neste episódio, Jesus se encontrou com seus discípulos em uma montanha, após sua ressurreição. Como símbolo da cidade do Rio de Janeiro, o Cristo Redentor também se encontra em uma montanha e é um monumento reconhecido no mundo inteiro. O tema é uma palavra de ordem proclamada pelo próprio Senhor Jesus, e assim a Sua imagem possui destaque no centro do símbolo.

Os elementos do símbolo formam a imagem de um coração. Na fé dos povos o coração assumiu papel central, assim como o Brasil será o centro da juventude na Jornada Mundial. Também designa o homem interno por inteiro, se tornando nesta composição a referência aos discípulos que possuem Jesus em seus corações.

Os braços do Cristo Redentor ultrapassam a figura do coração, como o abraço acolhedor de Deus aos povos e jovens que estarão no Brasil. Representa nossa acolhida, como povo de coração generoso e hospitaleiro.

A parte superior (em verde) foi inspirada nos traços do Pão de Açúcar, símbolo universal da cidade do Rio de Janeiro, e a cruz contida nela reforça o sentido do território brasileiro conhecido por Terra de Santa Cruz. As formas que finalizam a imagem do coração possuem a cor azul, representando o litoral, somada ao verde e amarelo que transmitem a brasilidade das cores da bandeira nacional.

Nenhum comentário:

Postar um comentário